Brandalism.

Todo mundo sabe que a dona desse boteco curte uma Arte Vandal, afinal Sr. Banksey é figurinha carimbada por aqui. Mas assunto de hoje não é o rapaz, e sim o projeto Brandalism. O projeto dos  artistas é um movimento coletivo que andou trocando a publicidade por arte vandal nos principais pontos de publicidade na Inglaterra.

O coletivo explica que “O projeto procura criar conexões entre diversas disciplinas, países e temas através da interpretação criativa das informações conseguidas por uma ampla rede de fontes que ajudaram a dar forma à ideia”.

O Brandalismo conta com 24 artistas, e entre ele nomes importantes como Broken Fingaz, Polyp, OX, Paul Insect, Know Hope, Cleon Patterson, Dr. D, Ghost Patrol, Jordan e muitos outros. A missão foi rápida e um cadim simples, mas precisou de muita, digamos, malemolência, porque o processo da troca foi o seguinte, em menos de uma semana elses conseguiram passar por cinco cidades na Inglaterra e trocar 33 pontos de publicidade,a equipe seguia em ritmo de revezamento e os os lambe- lambe do coletivo eram colados em cima das publicidade,  e para não dar nenhum problema, eles vestiam coletes (falsos, claro!) dos uniformes dos funcionários responsáveis pela troca de anúncios. Espertos, não?!

Dá uma olhada em algumas das ações:

E vale a pena dar um pulo no site e ver mais coisa.

Vandal-ism!

 

 

 

 

Libertados!

E eu escrevo, em meio de lágrimas sobre minha maior paixão, meu orgulho alvi negro, meu orgulho Corintiano.

Acordei, coração apertado, como tantos outros membros dessa nação, angustiada, com a gastrite dando sinais de vida, não consegui tomar café, nem trabalhar direito, nem pensar em outra coisa, só pensava no final do dia.

Fui trabalhar, vestida de alvi e negro, mantive todas as minhas superstições, proibi minha irmã de sair de verde hoje, porque verde dá zica.

O dia foi passando, concentrar foi ficando cada vez mais difícil, final do dia enfim chegou, esse dia de 60 horas.

Jogo, primeiro tempo cantimbado, coração apertado, nada de gol, respira, não pode ser fácil, afinal é Corinthians, tem que ser sofrido. Fim de primeiro tempo. Cerveja, espera, respira, meninos no vestiário, conversa, mucilon, vai dar certo!

Segundo tempo, Sheik, gol! Começo a chorar, sim, claro, desde já. Sheik, mais um, pronto, escreve nosso nome que a taça é nossa! Provoca agora, fala o que quiser neguinho que eu nem ligo.

Posso chorar, posso gritar a plenos pulmões, minha paixão, meu orgulho, meu Corinthians, jogando como se deve, honrando essa camisa, essa nação, esse amor!

 

*Texto foi escrito ontem (quarta-feira – 04/07), logo após o jogo, mas por motivos de força maior, só foi postado hoje.

A leveza do desconhecido.

O delícia do roteirista Asa Mader ficou tão apaixonado pelo livro “Uma Breve História do Tempo” do físico britânico Stephen Hawking, e suas inúmeras teorias sobre buracos negros, que decidiu fazer um curta sobre, o “Ray of Light”. O projeto conta com a modelo estoniana Carmem Krass, que aparece no meio da escuridão, procurando por luz.

Segundo o roteirista o filme é para imortalizar todas aquelas coisas que seriam impossíveis de serem alcançadas. O projeto conta com a colaboração de Jonathan Riss, que é diretor artístico da Jay Ahr, e com o centro de design experimental pra tecnologia 3D, o FashionLab. E  foi gravado em Florença.

Da uma olhada que delicado e lindo ficou:

 

A leveza do desconhecido.

Dica: FFW

 

Denuncie.

Vocês provavelmente conhecem a Lauren Luke, uma moça famosa por fazer tutorias de maquiagem na internet.  A moça andou dando um susto nas espectadoras quando apareceu com marcas de agressão em um dos seus tutorais, mas as marcas eram falsas.

O vídeo é uma campanha da organização britânica Rufuge, para que a as mulheres agredidas não se calem e denunciem seu agressor.

A campanha não deve servir apenas para as mulheres britânicas, afinal, inúmeras mulheres são agredidas todos os dias, inclusive no Brasil, e sofrem quietas. Então, se souber de um caso, ou se sofrer disso, não se cale, denuncie entrando em contato com a Delegacia da Mulher da sua cidade.

Denuncie!

Dica: Petisco.

Morte de plástico.

 

Aqui no boteco, a gente gosta mesmo de umas bonecas em situações diferentes,e dessa vez, as moças de plástico estão todas mortas.

O fotógrafo Mariel Clayton, decidiu fazer bonecas mortas por diversas causas.

Dá uma olhada:

 

E que descansem em paz.

Dica: Hypeness

B-day!

O aniversariante do dia não poderia ser mais especial! Completando 70 primaveras, o beatle favorito de muito gente- o meu é o George- Sir Paul McCartney !

E ele ainda queria saber se nós ainda o amaríamos quando ele tivesse 64…

Uniforme?! Eca!

A dona desse boteco não só trabalha, mas é mega apaixonada por moda, mas a moda pode ser bem repressora, pra que não sabe muito bem pra onde a vida do guarda roupas vai.

Semana das modas de São Paulo, a tal da SPFW, começa hoje e termina sábado, e vai apresentar um monte de tendências e confirmar as que foram apresentadas na Fashion Rio, que foi há umas duas semaninhas atrás. E ai, vai aparecer tudo novo, você vai ter que jogar tudo fora e entulhar seu guarda roupa com as roupas da estação. Certo? Errado!

Moda é pra expressão, não pra uniformizar. E pra confirmar essa conversa de boteco, olha que delicia o vídeo do Seja Sustentável com Estilo, projeto da  Chiara Gadaleta.

Dá uma olhada:

 

Nada de exercito de It girls, baby!

Dica: Oficina de Estilo